sexta-feira, 28 de junho de 2013

Sobremesas durante a dieta: dicas, o que consumir

Você precisa emagrecer, mas não fica longe dos doces? Veja dicas sobre o que consumir de sobremesa durante a dieta.

600056 Sobremesas durante a dieta dicas o que consumir 2 Sobremesas durante a dieta: dicas, o que consumir

SOBREMESAS DURANTE A DIETA: DICAS, O QUE CONSUMIR

Quem gosta de doces, sabe o quanto é difícil acabar o almoço e resistir a sobremesa, principalmente se estiver em um restaurante e houver opções diferentes ou mais incrementadas. Com muitas calorias, os doces dão energia, mas por outro lado pode atrapalhar o seu regime. Por isso, você deve recorrer a sobremesas indicadas durante a dieta. As frutas ainda são a melhor opção. Se estiver em um restaurante, escolha a porção de salada de frutas, por ser mais saudável e evite os doces que parecerem ter mais ingredientes.
600056 Sobremesas durante a dieta dicas o que consumir 1 Sobremesas durante a dieta: dicas, o que consumir

DICAS DE SOBREMESAS PARA COMER DURANTE A DIETA

Se só a salada de frutas não resolver, uma dica de sobremesa para comer na dieta é incrementar o prato colocando 1 colher (chá) de chocolate granulado em 1 xícara de salada de frutas. Mas convém lembrar que o açúcar não faz parte da receita. Se você gosta mesmo de doces, vale recorrer aos caseiros feitos à base de frutas. Você pode preparar, por exemplo, uma sobremesa com morangos, com adoçante em pó light ou com acréscimo de creme de leite light.
600056 Sobremesas durante a dieta dicas o que consumir 3 Sobremesas durante a dieta: dicas, o que consumir

Outras opções de sobremesas para consumir durante a dieta são as gelatinas, que além de pouco calóricas têm colágeno que evita a flacidez; e os picolés de frutas, feitos com uma receita de fruta e água, com poucas calorias e alguns até sem gordura. Os sorvetes preparados à base de iogurte, os famosos frozen yogurts também são boas escolhas para quem está fazendo regime. Você pode comprar pronto, quando for passear com a família, por exemplo. Ou até mesmo fazer em casa. Veja como preparar: Receita de Frozen Iogurte
Fonte:Mundo das tribos

Esportes que Emagrecem – Dicas

Esportes que emagrecem Esportes que Emagrecem – Dicas
Manter a forma em hoje em dia não é nada fácil, com a vida mais corrida e a maior oferta dealimentos prontos a tentação se torna grande, acabamos cedendo ao mais prático, rápido e calórico e o peso ideal e a vida saudável ficam cada vez mais distante.
Se você é do tipo que não gosta de academia pode optar por alguns esportes que te ajudam a manter e perder peso e melhoram as condições de saúde, eles ajudam no funcionamento de alguns órgãos e na melhora do desempenho físico.
A forma mais fácil de emagrecer é combinando exercícios de longa duração como caminhada, corrida de dundo e natação com os chamados exercícios de força, que aumentam a massa muscular. Isso porque os músculos são um dos maiores consumidores de energia.
O exercício aeróbico estimula o sistema cardiorrespiratório, vascular e o metabolismo, isso porque ele aumenta a capacidade cardíaca e respiratória para que o oxigênio entre e seja distribuído de forma mais rápida e uniforme por todo o corpo.
Esportes que Emagrecem2 Esportes que Emagrecem – Dicas
Se você é mais introvertida, você pode procurar esportes individuais como a corrida, caminhada, o squash e até mesmo o tênis. Uma hora de corrida queima de 500 a 900 calorias e ainda melhora o condicionamento cardíaco, ajuda na liberação de endorfina, que causa a sensação de bem estar e ajuda a diminuir o colesterol ruim no sangue, o que evita o entupimento dos vasos sanguíneos e ajuda no envelhecimento saudável, como a prevenção de doenças coronarianas, hipertensão, diabetes, osteoporose, e artrose.
A caminhada é um exercício aeróbico, leve e fácil, que queima até 200 calorias em velocidade moderada, deve ser praticada ao menos três vezes por semana durante 30 minutos. Uma hora de Tênis te fazer perder 800 calorias. Além de melhorar a coordenação motora, fortalecer os músculos, principalmente dos braços e aumentar a agilidade. Andar de Bicicleta queima 840 calorias, e assim como a corrida também melhora seu condicionamento cardíaco.
Esportes que emagrecem1 Esportes que Emagrecem – Dicas
Se além de perder peso você quer relaxar, desestressar, os esportes mais indicados são os aquáticos com a natação ou a hidroginástica onde você descansa o corpo dentro da água, dependendo do tipo do treino e da velocidade utilizada você pode perder de 400 a 800 calorias. A natação trabalha com todas as partes do corpo, todos os agrupamentos musculares, ajuda a reduzir gordura corporal, alivia tensões e ajuda a recuperar lesões. O risco de lesões para quem pratica este esporte é muito baixo, pois a água ajuda a amortecer o impacto.
Mas se além de melhorar a sua condição física você ainda quer fazer novas amizades os melhores esportes são os coletivos como o voleibol, o basquete e o futebol. Uma hora de futebol consome 780 calorias, e ainda fortalece as pernas e melhora o condicionamento físico.
Além de praticar exercícios físicos você deve maneirar no prato, uma dieta balanceada faz mais diferença na perda de peso do que o próprio exercício físico, o corpo só perde massa quando gasta mais energia do que ingere. Por isso coma coisas leves e frutas, faça cinco refeições ao dia, e pratique um destes esportes que poderão te ajudar muito na eliminação de peso.
Fonte: Mundos das tribos

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Receita caseira para o cabelo crescer


Uma ótima receita caseira para o cabelo crescer mais rápido é aplicar jojoba, babosa no couro cabeludo.

Ingredientes

  • 1 colher de óleo de jojoba;
  • 60 ml de gel de babosa;
  • 15 gotas de óleo essencial de alecrim;
  • 10 gotas de óleo essencial de cedro das atlas (cedrus atlântica).

Como fazer a receita caseira para o cabelo crescer mais rápido

Misture muito bem todos os ingredientes e passe no couro cabeludo na noite anterior à lavagem do cabelo, fazendo uma suave massagem. Guarde o que sobrar em local fresco, em um recipiente de vidro escuro.
Normalmente, o cabelo cresce entre 10 a 12 centímetros por ano, e é mais fácil medir esse crescimento no cabelo liso. Com este remédio para o cabelo crescer esse valor deve ser maior, mas os resultados são muito pessoais.

Truques para o cabelo crescer rápido

Alguns truques para o cabelo crescer rápido e saudável:
  • Ter uma alimentação boa e variada (a desnutrição  e a carência nutricional reduz o crescimento normal dos fios de cabelo)
  • Manter o corpo bem hidratado
  • Manter o couro cabeludo com uma oleosidade controlada
  • Lavar o cabelo com o shampoo adequado ao tipo de cabelo
O óleo de jojoba e a babosa mantêm o couro cabeludo saudável e as essências aceleram o crescimento dos fios de cabelo. Já a massagem irá aumentar a circulação local, favorecendo o crescimento dos fios.
Fonte: Tua saúde

terça-feira, 25 de junho de 2013

O que é terapia das pedras quentes?

O que é terapia das pedras quentes


O contato com a natureza pode trazer benefícios que a gente, às vezes, nem desconfia. Imagina a cena: você, andando pelo campo, aquelas pedras ali, jogadas, no caminho, meio estorvando, meio decorando.
Você passa e simplesmente esquece. Não dá importância. Passados alguns minutos e você nem lembra mais do que viu. Já aconteceu algo parecido, ou não? Quem poderia imaginar que elas, as pedras do caminho, agora passariam a ser o centro das atenções do mundo da estética?
A terapia das pedras quentes, ou o fato de massagear o corpo com pedras aquecidas e frias, de acordo com a necessidade do paciente, é um conceito moderno se considerarmos a regularização da técnica (na Europa e Estados Unidos existe há oito anos), mas existem referências do seu uso já no Egito antigo e no Velho Testamento. No Brasil, foi introduzida há dois anos pela esteticista Ala Szerman, única profissional habilitada para formar novos técnicos no assunto no País.
As manobras utilizadas na técnica são herança da massagem sueca e do shiatsu. Isso somado às teorias de moxa, a técnica oriental que usa a termoterapia para curar, os conhecimentos de Geoterapia e Massoterapia. Alternando a aplicação no corpo de pedras frias e quentes, consegue obter uma sinergia, reações fisiológicas e orgânicas que fazem muito bem. As pedras são dispostas ao longo dos músculos, no intuito de transmitir energia que religa a força interior. A aplicação é profunda.
"São pedras vulcânicas, plutônicas e sedimentares que trazem herança energética de milhões, às vezes bilhões de anos. Os tamanhos e formatos são escolhidos de acordo com o local da aplicação. Aproveitamos os formatos das pedras para que o encaixe seja o melhor possível no corpo", explica a esteticista. Age como uma ginástica vascular no sistema circulatório, criando respostas sedativas e reenergizadoras no corpo.
Aliás, extremamente sedativas. Ala explica que os pacientes entram no estado alfa, onde o cérebro fica praticamente desativado. "É o relaxamento total. Por isso a técnica é tão utilizada para quem sofre com os efeitos do estresse". Ao final das sessões, que chegam a durar uma hora e meia, Ala diz que é normal os pacientes ficarem dormindo. "Não é o que buscamos.
Melhor seria que eles ficassem acordados, mas totalmente relaxadas como pressupõe o alfa. Mas eles relaxam tanto que dormem".
As pedras quentes eram utilizadas por monges, na antiguidade, para controlar
a fome quando entravam em processo de jejum. "Por isso a técnica auxilia na perda de peso", conta a esteticista. Além disso, a energia gerada quando as pedras quentes são friccionadas no corpo, chamada de piezoelétrica, diminui inflamações, melhora a regeneração celular, muito indicada também no tratamento anti-celulite.
Ala conta que foi pessoalmente favorecida com os resultados da técnica. Ela foi vítima de um câncer na mama. Depois das sessões de quimioterapia e com o problema sanado, ela se submeteu a várias aplicações com as pedras quentes. "A energia do corpo fica completamente alterada depois de um susto desses. As pedras auxiliam na restauração do equilíbrio."
Fonte: Mais Equilíbrio 

sexta-feira, 21 de junho de 2013

Período fértil de quem toma anticoncepcional


Quem toma anticoncepcional regularmente não tem período fértil e, portanto, não pode engravidar enquanto fizer uso da pílula corretamente.
Ao tomar o anticoncepcional, a mulher não ovula e, assim, não libera o óvulo para a fecundação.

Menstruação de quem toma anticoncepcional

A menstruação que vem todos os meses, para quem toma o anticoncepcional, não é referente ao "ninho" preparado pelo organismo para receber o bebê, mas, sim, o resultado da privação hormonal durante o intervalo entre uma cartela e outra.
Essa menstruação tende a causar menos cólica e dura menos dias. Graças à eficácia da pílula anticoncepcional, pode-se ter relações sexuais todos os dias do mês, até mesmo durante os dias de pausa entre uma cartela e outra, sem correr o risco de engravidar.

Engravidar tomando anticoncepcional

Apesar de ser um método contraceptivo 99% eficaz, a mulher pode engravidar tomando o anticoncepcional se:
  • Esquecer de tomar a pílula diariamente sempre no mesmo horário;
  • Tomar algum medicamento que diminua a eficácia da pílula, como antibióticos,  imunossupressores e anticonvulsivantes, por exemplo;
  • Vomitar em até 2 horas após a toma da pílula;
  • Tiver uma diarreia forte, que impeça a absorção dos nutrientes pelo intestino e também dos hormônios da pílula.
Nesses casos, a gravidez seria possível, pois a mulher pode vir a ovular e, ao ter relação, o óvulo ser fecundado.
Fonte: Tua saúde

Intolerância ao glúten

Intolerância ao glúten

O que é:

A intolerância ao glúten é a incapacidade ou dificuldade de digestão do glúten, que é uma proteína presente em alguns cereais como trigo, centeio, cevada e aveia.
Nos indivíduos intolerantes ao glúten tem uma condição chamada doença celíaca. Nessas pessoas o glúten danifica as paredes do intestino delgado, provocando diarréia , dor  e dificultando a absorção de outros nutrientes.
A intolerância ao glúten é permanente.

Sintomas da intolerância ao glúten

Os sintomas da intolerância ao glúten podem ser observados no bebê assim que haja introdução de cereais na alimentação. Os sintomas mais comuns são:
  • Diarreia frequente, de 3 a 4 vezes ao dia, com grande volume de fezes;
  • Vômitos persistente;
  • Irritabilidade;
  • Perda do apetite;
  • Emagrecimento sem causa aparente;
  • Dor abdominal;
  • Abdômen inchado;
  • Palidez;
  • Anemia ferropriva;
  • Diminuição da massa muscular.
Em alguns casos, o indivíduo pode não apresentar nenhum destes sintomas e a intolerância ao glúten só ser descoberta após a manifestação de outros sintomas decorrentes da doença, tais como: baixa estatura; anemia refratária; artralgia; prisão de ventre crônica; osteoporose e esterilidade.

Causas da intolerância ao glúten

As causas da intolerância ao glúten podem ser genéticas ou devido a permeabilidade intestinal alterada.

Exames para identificar a intolerância ao glúten

Os exames para identificar a intolerância ao glúten são:
  • Teste genético;
  • Teste sorológico para o glúten - exame de sangue;
  • Biópsia intestinal.
Estes exames podem ajuda no diagnóstico da intolerância ao glúten assim como uma dieta de exclusão do glúten por um tempo determinado para avaliar se os sintomas desaparecem ou não.

Tratamento para intolerância ao glúten

O tratamento para intolerância ao glúten é basicamente excluir o glúten da alimentação durante toda a vida. O glúten poderá ser substituído por milho, farinha de milho, fubá, amido de milho, batata, fécula de batata, mandioca, farinha de mandioca e polvilho. Ao retirar o glúten da dieta a remissão dos sintomas podem desaparecer em poucos dias ou semanas.

Dieta para intolerância ao glúten

A dieta para intolerância ao glúten consiste em retirar da alimentação todos os alimentos que contém glúten como os que são preparado com farinha de trigo como bolos, pães e biscoitos, substituindo-os por outros como bolo de fubá, por exemplo. Quem sofre com intolerância ao glúten deve excluir da sua dieta os seguintes alimentos:
  • Pão, macarrão, biscoito, bolo, cerveja, pizza, salgadinhos e qualquer alimento que contenha glúten.
É importante que o indivíduo siga a dieta corretamente para evitar as complicações que a doença pode trazer e por isso é importante verificar se o alimento contém glúten, e se tiver não consumi-lo. Esta informação está presente na maior parte dos rótulos dos produtos alimentares.
Fonte: Tua Saúde

quarta-feira, 19 de junho de 2013

3 dicas caseiras para tratar intestino preso

Estas 3 dicas para tratar o intestino preso são uma solução natural, muito simples e eficiente, envolvendo apenas a  toma de chá, suco e uma massagem abdominal, dispensando o uso laxantes que podem viciar o intestino e alterar a flora intestinal normal podendo causar carências nutricionais.

Dica 1

Tome um chá morno ao acordar em jejum. O chá deve ser suave como camomila ou cidreira, e não com efeito laxante como a cáscara sagrada, o efeito estimulante intestinal, neste caso, é feito pela temperatura do chá e a regularidade do estímulo, por isso é importante repetir o mesmo "ritual" diariamente.

Dica 2

Com a mão fechada utilize o "nó" dos dedos para fazer uma massagem na região da barriga pressionando moderadamente os músculos desta região. Comece posicionando a mão fechada por baixo das costelas direitas e siga as orientações do sentido da massagem como mostram as setas da imagem abaixo. É importante respeitar os locais de início e fim pois o intuito é massagear a parte final do intestino.
Esta massagem deve ser realizada por pelo menos 5 minutos e pode ser realizada com o indivíduo deitado ou sentado.

Dica 3

Antes de ir dormir tome o suco de 2 laranjas com 1/2 mamão papaia pequeno. O ideal é ter uma hora fixa para tomar este suco, por exemplo às 22:00.

Intestino preso na gravidez

​Esta técnica pode ser utilizada para quem tem intestino preso na gravidez porque dispensa o uso de medicamentos, com excessão da massagem abdominal, que pode ser substituída por caminhadas ou hidroginástica, e deve ser repetida inicialmente durante 3 dias seguidos em horários identicos e a seguir, 3 vezes por semana, para que o intestino preso ou preguiçoso regule seus movimentos.

Intestino preso no bebê

O intestino preso no bebê é determinado quando suas fezes são ressecadas e duras, quando o bebê não evacua com facilidade ou quando demora mais de 3 dias para evacuar. Nesses casos ele deve ser tratado sob aconselhamento do pediatra, embora pode ser usar  inicialmente o chá e a massagem abdominal.
Bebês com menos meses 1 ano, via de regra,  poderá não conseguir ingerir todas as frutas com casca ou cruas. Porém pode ser utilizado a técnica da massagem e do chá morno.
Além das 3 dicas caseiras para tratar o intestino preso, é importante ter sempre em consideração que:
  • Mesmo se estiver de dieta, não deixe de fazer as refeições e respeitar seu horários mesmo tendo um volume menor de comida é extremamente importante parta manter o reflexo e estímulo intestinal.
  • Beber água durante o dia, fora dos horários das refeições, ajuda a fazer o bolo fecal ficam mais moldável e isso é essencial para quem tem o intestino preso ou hemorroidas;
  • Comer no mínimo 4 frutas por dia e de preferência com casa como a maçã, pêra, pêssego ou ameixa, ajuda o intestino preguiçoso funcionar melhor e regularizar. 
Esta técnica, que dispensa a toma de medicamento, deve ser repetida inicialmente durante 3 dias seguidos em horários idênticos e a seguir, 3 vezes por semana, para que o intestino preso ou preguiçoso regule seu movimentos
Fonte:Tua Saúde

segunda-feira, 17 de junho de 2013

Dicas para engravidar


Alguns casais podem ter uma maior dificuldade para engravidar, por isso seguem algumas dicas importantes para conseguir engravidar naturalmente e mais rápido:
  • O homem deverá ejacular dentro da vagina da mulher durante o seu período fértil;
  • O casal deverá ter relações dia sim, dia não, durante o período fértil;
  • Tanto o homem quanto a mulher deverão consumir diariamente alimentos ricos em vitamina E como carnes, ovos e gérmen de trigo, pois atuam a nível hormonal aumentando as chances de concepção;
  • A mulher deverá permanecer deitada por 15 minutos após a ejaculação para facilitar a chegada dos espermatozoides ao óvulo;
  • O casal deverá tratar qualquer doença do aparelho reprodutor antes de iniciar as tentativas de engravidar;
  • A mulher deverá emagrecer cerca de 10 a 20% se estiver acima do peso e se sofrer da síndrome dos ovários policísticos;
  • A mulher não deverá tomar nenhum medicamento sem o conhecimento do médico pois muitos podem causar alguma malformação no bebê como o diclofenaco sódico.
O diclofenaco sódico é contraindicado no início e no fim da gravidez porque é um inibidor da síntese das prostaglandinas, que mantém o canal arterial do bebê aberto, podendo resultar em insuficiência cardíaca fetal e por isso quem está tentando engravidar não deve tomá-lo. Alguns medicamentos que contém diclofenaco são: Voltaren, Cataflan, Torsilax, Tandrilax, Alginac, Flotac e Biofenac. Dipirona pode ser usada na gravidez para dor ou febre.
Uma outra dica importante para quem deseja engravidar é começar a tomar comprimidos diários de ácido fólico cerca de 3 meses antes de iniciar as tentativas para engravidar. Este cuidado é muito importante para evitar problemas neurológicos no bebê como a espinha bífida.
Além destas dicas, é importante que o casal evite o estresse, a ansiedade e tenha bons hábitos alimentares além de praticar algum tipo de atividade física regularmente. Alimentos processados, industrializados, ricos em gordura, bebidas alcoólicas e o cigarro deverão ser eliminados.
Fonte: Tua saúde

sábado, 15 de junho de 2013

Frutas que emagrecem


A melhor forma de conseguir emagrecer é investir em uma dieta pobre em calorias e rica em frutas que emagrecem, tais como morango, banana, pera e melancia.
Confira uma lista com várias frutas capazes de ajudar a emagrecer mais rápido:
Morango: O morango ajuda a emagrecer pois contém calorias negativas, isto é, o corpo gasta mais calorias na sua digestão do que as que a fruta possui. Além disso, é rica em ferro e em vitamina C, sendo um bom anti-inflamatório natural. 100 g possui apenas 45 calorias.
Banana: Rica em triptofano, tira o desejo de comer doces, sacia a fome e cada uma contém entre 87 e 120 calorias, dependendo do tipo e do tamanho. A banana, quando consumida antes de malhar, diminui ainda o risco de cãibras, por ser rica em potássio. Ela também é ótima para o café da manhã, pois diminui a fome ao longo do dia. A banana assada no forno ou no micro-ondas com alguns cravos da índia constitui uma ótima sobremesa.
Pera: A pera ajuda a emagrecer porque é rica em fibras, que ajudam a melhorar o trânsito intestinal e tirar a fome. Ela ainda ajuda a regular os níveis de colesterol no sangue. Uma pera grande tem, em média, 85 calorias. Peras assadas com canela também são uma ótima sobremesa que, além de deliciosa, ajuda a emagrecer.
Melancia: Contém calorias negativas e é diurética, auxiliando no combate ao inchaço. Também ajuda a regular os níveis de açúcar no sangue. Ela abaixa a pressão e é considerada um alimento afrodisíaco. 100 g de melancia contém apenas 24 calorias.
Kiwi: Dentre os benefícios do Kiwi, estão o combate à prisão de ventre e a capacidade de saciar o apetite. Rico em vitamina C, é diurético e 100 gramas possui apenas 46 calorias.
Maçã: A maçã ajuda a emagrecer pois é rica em antioxidantes, regula os níveis de colesterol e de triglicerídeos e ajuda na digestão. Uma maçã grande possui, em média, 81 calorias. A maçã assada com canela ou cravo da índia contém poucas calorias, é deliciosa e é uma sobremesa muito nutritiva.
Mamão: Diurético e rico em fibras, facilita a eliminação das fezes e combate a barriga inchada. O mamão é bom para ajudar no controle da diabetes e aliviar os sintomas da gastrite. 100 g contém, em média, 85 calorias. Uma fatia de mamão picado com 1 potinho de iogurte natural é uma ótima opção para o lanche da manhã.
Limão: É diurético, rico em vitamina C e um potente antioxidante, que elimina as toxinas e deixa a pele mais viçosa. 1 limão possui, em média, 22 calorias. Tomar uma xícara de chá da casca de limão diariamente é uma ótima forma de consumir o limão sem açúcar e aproveitar todos os seus benefícios.
Abacaxi: O abacaxi ajuda a emagrecer pois é rico em água e em vitamina C. O abacaxi combate a retenção de líquidos e deixa a cintura mais fina. Quem não gosta do sabor ácido do abacaxi pode experimentar o abacaxi assado no forno com canela em pau.
Recomenda-se comer 1 porção de frutas à cada refeição, totalizando 5 ou 6 frutas por dia. Preferencialmente, deve-se ingerir de 2 a 3 frutas diferentes por dia, seguir uma dieta hipocalórica e associar a prática regular de exercícios físicos à rotina, para conseguir emagrecer mais rápido
Fonte:  Tua Saúde

sexta-feira, 14 de junho de 2013

Receita do remédio caseiro para perder barriga


Um ótimo remédio caseiro para perder a barriga é tomar diariamente o chá verde com gengibre, como substituto da água.

Receita do remédio caseiro para perder barriga

Ingredientes

  • 1 colher de chá das folhas secas de chá verde;
  • 1 colher de chá de gengibre fresco ralado;
  • 1 litro de água fervente.

Modo de preparo

Junte todos os ingredientes em uma panela e deixe descansar por alguns minutos. Coe e beba aos poucos, várias vezes ao dia.
O chá verde tem ação termogênica, ajudando a queimar gordura. Já o gengibre acelera o metabolismo, aumentando o gasto calórico do organismo mesmo parado.
Além de tomar este chá, recomenda-se ter uma alimentação regrada, evitando produtos muito processados, industrializados, gordurosos ou com muita açúcar. Praticar alguma atividade física também é importante.
Fonte:Tua saúde

3 Exercícios simples para fazer em casa e Perder Barriga


Estes 3 exercícios para fazer em casa e perder barriga são ótimos para quem está lutando contra o tempo e precisa secar rápido. São eles:

Agachamento

Neste exercício, deve-se afastar as pernas, posicionar os braços esticados à frente do corpo e agachar, como mostra a imagem 1.

Flexão de braço

Neste exercício, deve-se deitar-se no chão e, depois, apoiando somente os pés e as mãos no chão, levantar o corpo, como mostra a imagem 2.

Flexão alpinista

Neste exercício deve-se apoiar as 2 mãos no chão e permanecer na ponta dos pés. A seguir, deve-se dobrar um dos joelhos e tentar encostá-lo no braço contralateral, como mostra a imagem 3.
Deve-se fazer cada exercício de forma contínua, por 1 minuto cronometrado. Logo a seguir, deve-se começar o exercício seguinte, totalizando 3 minutos seguidos de exercícios. Quando chegar ao fim desses exercícios, descanse por mais 1 minuto e repita a série desde o início.
Esses exercícios são considerados aeróbicos, pois são de longa duração e baixa intensidade, sendo ótimos para perder barriga. Mas, para conseguir emagrecer e não voltar a engordar, deve-se ter um reeducação alimentar e praticar exercícios físicos de forma regular.
Atenção: Se sentir algum desconforto, como dor na coluna, no pescoço ou no joelho, não faça o exercício.

quinta-feira, 13 de junho de 2013

Remédio caseiro para azia

Um remédio caseiro para a azia, simples e muito eficiente, é comer um pedaço de pão ou 2 bolachas de água e sal, evitando beber água, ou outro líquido, no momento da queimação. Eles irão absorver o ácido estomacal e favorecer a digestão, diminuindo a azia.
Esse remédio caseiro pode ser utilizado em caso de azia e queimação, azia na gravidez, azia e dor de estômago e azia e má digestão, mostrando sua eficácia em poucos minutos.
O limão também é indicado para tratar a azia e a queimação. Deve-se tomar o suco puro de 1 limão no momento da azia. Mas, é muito importante não adicionar água nem açúcar.

O que é azia

A azia é a consequência do contato do suco gástrico com a mucosa do esôfago. Por isso, seja qual for a causa da azia, a sensação de queimação pode ser aliviada empurrando novamente o conteúdo ácido do esôfago para o estômago.

Alimentação para evitar azia

A alimentação para evitar a azia consiste em seguir uma dieta pobre em carnes, alimentos gordurosos e alimentos ácidos. Uma outra dica é beber um copo de suco natural de cenoura, beterraba ou de laranja lima, feito na hora, nos lanches.

Tratamento caseiro para azia

Um outro ótimo tratamento caseiro para azia é o xarope de erva doce com hortelã. Embora não seja indicado para quem sofre com úlcera gástrica, esse xarope consegue eliminar a azia em poucos minutos.
Colocar um calço de 10cm na cabeceira da cama, para evitar o refluxo à noite, também é recomendado para os indivíduos que costumam sofrer com a azia neste período.
Fonte: Tua saúde

Tratamento caseiro para ansiedade

Um ótimo tratamento caseiro para ansiedade é tomar diariamente o chá de maracujá com camomila pois estas plantas medicinais possuem propriedades sedativas, que favorecem o sono e acalmam o indivíduo.

Ingredientes

  • 1 colher (de sopa) de folhas de maracujá
  • 1 colher (de sopa) de folhas e flores de camomila
  • 2 xícaras de água fervente
  • mel à gosto

Modo de preparo

Adicione as folhas do maracujá e da camomila à água fervente, tape e deixe repousar por cerca de 10 a 15 minutos, devidamente tampado. A seguir, coe, adoce com um pouquinho de mel e beba a seguir. Recomenda-se tomar 2 a 3 xícaras deste chá por dia.
A ansiedade, o estresse e a preocupação podem causar angústia e muito incômodo, prejudicando o sono e também a saúde do indivíduo, pois aumenta o risco de doenças cardiovasculares e consequentemente de infarto, e por isso a toma de chás calmantes pode ser de grande ajuda para vencer este mal. Mas além disso, o indivíduo deverá tomar medidas para solucionar os seus problemas, pois estes são os maiores causadores da ansiedade, estresse e nervosimo.
Atenção: O Tua Saúde é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de temas relacionados com saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.
Fonte: Tua saúde

terça-feira, 11 de junho de 2013

Sintomas de infarto

Veja os principais sintomas do infarto, os sintomas prévios e saiba o que fazer para evitar o pior.

Principais sintomas do infarto

  • Dor no lado esquerdo do peito - dor no coração - em forma de aperto ou pontada, que pode irradiar para o pescoço, axila, costas ou braço esquerdo. Raramente pode irradiar para o braço direito.

Sintomas prévios do infarto

  • Mal estar;
  • Enjoo;
  • Tontura;
  • Palidez - rosto branco;
  • Falta de ar/Dificuldade em respirar;
  • Sensação de indigestão grave;
  • Suor frio;
  • Tosse seca;
  • Respiração curta, rápida ou barulhenta.
Não é necessário que todos estes sintomas estejam presentes para caracterizar um quadro de infarto, mas há suspeita de infarto quando há mal estar e dor no peito. Neste caso, deve-se ligar para o 192 (SAMU) ou 193 (Bombeiros), para chamar uma ambulância, ou levar o indivíduo para o hospital o mais rápido possível.
O infarto, quando é tratado precocemente, tem boas chances de cura. Mas, se o indivíduo não tiver um atendimento médico adequado, poderá morrer em poucos minutos.

Sintomas de infarto nos jovens

Quando o infarto ocorre em indivíduos jovens, os principais sintomas são:
  • Dor forte no peito que irradia para o braço, gerando formigamento no braço, mão ou garganta
  • Falta de ar
A dor pode ser tão intensa que leva o indivíduo a cair no chão e pode levá-lo a desmaiar. Se ele não for atendido imediatamente, há risco de morte e, neste caso, seria um infarto fulminante.

Sintomas de infarto na mulher

Na mulher, o infarto se manifesta de forma diferente dos homens, gerando sintomas menos específicos. São eles:
  • Dor no queixo, dor no colo, ou dor nas costas, como se tivesse um peso;
  • Forte indigestão, como se tivesse exagerado na alimentação e sentindo um "bolo" na garganta;
  • Dificuldade em respirar.
Estes sintomas podem surgir até mesmo em repouso, mas são mais comuns em mulheres que tomam a pílula anticoncepcional, nas estressadas e nas que fumam.

Causas do infarto

O infarto é causado pela interrupção do fluxo de sangue para o coração, devido ao acumulo de placas de gordura no interior das artérias, êmbolo ou espasmo da coronária. Algumas situações que podem causar o infarto são:
  • Estresse;
  • Emoção;
  • Diabetes;
  • Colesterol alto;
  • Hipertensão arterial mal controlada;
  • Uso de drogas ilícitas;
  • Dor excessiva;
  • Frio intenso;
  • Excesso de atividade física.

Primeiros socorros para infarto

  • Chamar uma ambulância ligando para o 192 (SAMU), 193 (Bombeiros) ou levar o indivíduo para o hospital o mais rápido possível;
  • Afrouxar as roupas do indivíduo, abrindo o cinto e desapertando os botões da camisa e da calça, por exemplo;
  • Não deixar a vítima sozinha;
  • Tentar manter a vítima calma;
  • Não deve-se dar nada para o indivíduo comer nem beber. Somente medicação cardíaca já prescrita pelo médico;
  • Se a respiração parar, faça uma massagem cardíaca.

Como fazer a massagem cardíaca

  • Deite a vítima no chão de barriga para cima;
  • Vire a cabeça da vítima um pouco para trás, deixando o queixo mais para cima;
  • Apoie suas mãos abertas uma sobre a outra, com os dedos para cima. Use somente a palma da mão;
  • Coloque suas mãos em cima do coração da vítima e, com os seus próprios braços bem esticados, faça a seguinte compressão:
  • Empurre as suas mãos com força e rapidamente sobre o coração, contando 2 empurrões por segundo por 30 vezes seguidas. Se o coração não voltar a bater sozinho, faça a compressão outra vez até que o coração volte a bater.
  • Se a vítima não respirar sozinha, jogue o ar da sua boca na boca da vítima após cada 30 compressões.
  • Repita esse procedimento sem interrupção, verificando se a vítima voltou a respirar sozinha.
Fonte: Tua saúde

Como baixar o colesterol



Quando o colesterol está alto, aumenta-se o risco de sofrer de doenças cardiovasculares, como infarto e AVC. Para baixar o colesterol é recomendável seguir uma alimentação saudável. Confira o que comer e o que não comer para o colesterol ruim:

O que comer para o colesterol

Confira uma lista com o que se pode comer para o colesterol:
  • leite e iogurtes devem ser desnatados;
  • queijos brancos e light;
  • coma carnes grelhadas ou cozidas;
  • aumente o consumo de frutas e de sucos de frutas naturais;
  • coma diariamente legumes e hortaliças.

O que Não comer para o colesterol

Confira a lista do que Não comer para conseguir baixar o colesterol:
  • alimentos gordurosos;
  • enchidos como mortadela, salame, presunto...
  • queijos amarelos, como catupiri, mussarela...
  • frituras devem ser exterminadas de sua dieta;
  • gordura trans;
  • diminua o consumo de doces em geral.
Para baixar o colesterol LDL rapidamente é recomendado ainda a prática regular de atividade física. Pode ser qualquer uma, desde que seja feita, no mínimo, 3 vezes por semana e com a duração de 1 hora.

Como baixar o colesterol naturalmente

Para baixar o colesterol naturalmente recomenda-se o uso de planta medicinais como, por exemplo:
  • Alho;
  • Alcachofra;
  • Berinjela;
  • Cenoura.
exemplos são o suco de cenoura para o colesterol alto e o suco de beringela para o colesterol

Fonte: TUA SAÚDE

segunda-feira, 10 de junho de 2013

Alimentação Consciente não é comer ou fazer dieta

Alimentação Consciente não é comer ou fazer dieta

Alimentação Consciente não é comer ou fazer dieta


:: Conceição Trucom :: 
Dieta é um tipo de alimentação que se realiza por um tempo até ser alcançado determinado objetivo.
Comer, segundo o dicionário do Aurélio, é colocar qualquer coisa goela abaixo.
Alimentar-se é nutrir-se. É a forma que proporcionamos ao nosso organismo para ter vitalidade e saúde. Portanto, o ideal é que a alimentação seja consciente e balanceada, equilibrada e saudável.

A alimentação Balanceada parte de 3 conceitos básicos que respeitam a bioquímica da vida:
Cada refeição ou lanche deve ser nutricionalmente completo, isto é, fornecer quantidades adequadas de todos os nutrientes essenciais ao bom funcionamento do organismo.
Valorização da qualidade de cada alimento, não segundo sua quantidade de calorias, mas segundo sua qualidade nutricional, seu potencial de gerar saúde e harmonia metabólica no organismo.
A alimentação precisa ser consciente, não para atingir um propósito pontual (como as dietas), pois ela deve fazer parte de um propósito de vida.

O que é alimento? 
O alimento pode ser definido como qualquer substância sólida ou líquida que dá ao corpo energia e nutrientes para o crescimento, renovação e reprodução das células. Mas, além desta sua função primordial, o alimento desperta estímulos agradáveis ao paladar e tem um papel importante em muitos campos da vida.
Consumir o alimento de forma equilibrada e consciente é um grande segredo para a conquista de uma vida saudável e a desejada capacidade de meditar, relaxar, construir e crescer.
Mas sempre tem um começo: desvendar a magia dos alimentos.
Iniciemos por conhecer um pouco mais sobre as funções de cada um dos tipos de alimento e quais são as nossas reais necessidades.
Todos os alimentos são formados por elementos chamados nutrientes e se dividem em:
Macronutrientes - proteínas, carboidratos e gorduras;
Micronutrientes - vitaminas e sais minerais.

De acordo com a sua função no organismo, eles são classificados em três grandes grupos:

• construtores - constituídos fundamentalmente pelas proteínas, que entram na formação dos nossos tecidos e também na reconstrução dos tecidos gastos. Formam nossos órgãos, ossos, sangue, músculos, unhas, cabelos e pele.

• energéticos - como o nome diz, deles obtemos energia para todas as funções físicas: circulação, respiração, digestão, movimento. Quanto mais intensa a atividade física, mais alimentos desse grupo precisa ingerir. São os carboidratos e as gorduras.

• reguladores - eles controlam e auxiliam o metabolismo hormonal e dos outros nutrientes e são constituídos pelas gorduras nutricionais, vitaminas e pelos sais minerais. Como os alimentos fornecem pequenas quantidades desses elementos, a dieta diária deve ser sempre muito variada.

Proteínas
São cadeias de aminoácidos que formam os elementos estruturais das células e dos tecidos. Por isso, os aminoácidos são conhecidos como os elementos construtores do corpo. Existem 23 aminoácidos diferentes, dos quais oito (os aminoácidos essenciais) não podem ser fabricados pelo organismo. As proteínas que contêm boa quantidade desses oito aminoácidos são chamadas proteínas completas (carne, ovos, queijo e soja); as outras são as proteínas incompletas (nozes, frutos secos, feijões, arroz). Quando combinadas, as proteínas incompletas podem fornecer ao corpo todas as suas necessidades de aminoácidos.

Carboidratos
Simples ou complexos, eles são a principal fonte de energia do corpo. Os açúcares são carboidratos simples, e incluem a sacarose (açúcar de cana ou de beterraba), a glucose (frutas e mel), a frutose (frutas e vegetais) e a lactose (leite). Os amidos são carboidratos complexos e incluem os cereais, batatas e feijões. Quando não são refinados, eles contêm vitaminas, minerais e fibras. Os carboidratos complexos fornecem um suprimento constante de energia, enquanto os açúcares fornecem energia instantânea, mas que se dissipa rapidamente. O consumo excessivo de açúcar leva a baixos teores de energia, perdas minerais, baixa imunidade e tende a aumentar a absorção de gorduras.

Gorduras
Como os carboidratos, as gorduras também fornecem energia, mas tendem a ser absorvidas pelo corpo; são muito concentradas, e, portanto, têm muitas calorias. Elas são transportadoras das vitaminas, envolvem e protegem os órgãos internos. Dão sabor aos alimentos e saciam a fome. Consistem basicamente de ácidos graxos, que são essenciais para o bom funcionamento das células. Há três tipos de ácidos graxos: os saturados (gordura animal e de produtos lácteos), os monoinsaturados (azeite de oliva) e os poliinsaturados (óleos vegetais). Embora todas as gorduras tenham o mesmo valor calórico, elas são consideradas "boas" ou "más" de acordo com sua influência nas doenças do coração. Assirn, gorduras mono e poliinsaturadas são "boas", enquantto as saturadas são "más". O consumo excessivo de gorduras também está associado ao câncer.

Fibras
As fibras estão presentes nos alimentos de origem vegetal, como cereais integrais, sementes, feijões, frutas e hortaliças, e desempenham um papel importante na dieta. O consumo de fibras ajuda na digestão plena dos alimentos e protege contra a elevação do nível de colesterol no sangue, contra alguns tipos de câncer, pedras na vesícula e obesidade.
O consumo recomendado pela OMS (Organização Mundial de Saúde) é de 30 gramas de fibra/dia. Importante lembrar que o sucesso de uma dieta rica em fibras depende também da ingestão adequada de líquidos, que deve ficar em torno de 2 litros/dia.

Água
Cerca de 60% do corpo humano consiste de água, na forma de sangue, linfa, líquido crânio-sacral, líquidos intracelulares e intersticiais. Tal volume hídrico fornece o meio no qual as substâncias químicas são transportadas – nutrição, trocas e eliminação. Os líquidos que bebemos garantem a maior parte da água do corpo; o restante vem dos alimentos. A carência de água pode provocar prisão de ventre, acúmulo de toxinas e mau funcionamento de vários órgãos. 

Fonte: Somos todos Um

Meditação ao ar livre




Meditação ao ar livre

Os mestres do passado meditavam sob árvores. Em cabanas ou cavernas, à beira de um regato, sentados em pedras ou pilhas de folhas secas. Desde Buda Shakiamuni os mestres são unânimes em ensinar: deve-se praticar aqui e agora, sem distinções ou delongas.

Hojes as grandes cidades são lugares complexos em que se vive separadamente, com raras experiências comunitárias. Com isso, a rede que une todos os seres não é percebida e muitas pessoas vivem uma vida de insatisfação. A mente fragmentada dispersa-se e o isolamento acentua-se.

Para retornar à unidade, há a prática do zazen shikantaza: apenas sentar, sem rejeitar ou reter nada, momento após momento, sem acrescentar ou eliminar nada, sem dar preferência a uma ou outra coisa. O que quer que surja na mente, deixar vir, deixar ir.

Ao ar livre, sem paredes, telhado, portas ou janelas. Sem propriedade, sem entrada ou saída, sem separação.

Sentar, praticar, limpar o local e seguir. Nada para levar, nada para deixar.


“Purifique a mente junto a um regato ou sob uma árvore.
Observe a impermanência sem descanso,
isso irá encorajá-lo a buscar o Caminho.”
(Keizan Zenji, Zazen Yojinki)

O que acontece no corpo de quem caminha

Quando realizada pelo menos três vezes por semana, essa atividade trazbenefícios, não importa a idade ou o peso

caminha

sexta-feira, 7 de junho de 2013

Conheca os beneficios de 58 frutas e legumes que traz à saude

Nos alimentarmos de forma correta traz incontáveis benefícios para nossa saúde e o bem-estar. Veja na sequência uma lista mais de 58 frutas e legumes, que pode ser consumidos natural ou em forma de sucos, conheça as suas respectivas propriedades terapêuticas.
abacate
Abacate:
Rico em: vitaminas B, E, potássio e gordura monoinsaturada.
Vantagens: reumatismo, bronquite, cálculos renais, diarreia, dor de cabeça , eczema, pela seca, parasitas intestinais, colesterol, úlcera gástrica e duodenal, tosse, rouquidão e artrite. Alem de saciar a fome, estimula a cicatrização. Por ser rico em vitamina E, é bom para pessoas com doenças cardiovasculares. Pois a vitamina E reforça também o sistema imunitário.
que abacaxi!
Abacaxi:Rico em: vitaminas A, B, C, fosforo, cálcio, potássio e bromelaína. É indicado na má digestão, aparelho urinário, pressão arterial, artrite, bronquite, tosse e obesidade. A bromelina  é uma enzima presente no abacaxi que ajuda na digestão, e ainda pode ser eficaz para dissolver coágulo sanguíneos.
Acerolas
Acerola: 
Uma fruta ria em vitaminas A, do complexo B, C, ferro e cálcio. Otimo nos sintomas de resfriado , gripe e anemia.
lunch time
Agrião:
É fonte de vitamina C e ferro, iodo e betacoroteno. Ele atua diretamente no sistema digestivo, circulatório e respiratório. Ideal para quem fuma, pois age como antídoto aos efeitos tóxico do tabaco. Também pode ajudar no tratamento do câncer do pulmão, cãibras e cegueira.
alface1
Alface:
Rica em: potássio, cálcio, fosforo, ferro e vitamina A, C e niacina. A alface age como sedativo, calmante, analgésico, cicatrizante, depurativo e desintoxicante. Auxilia no tratamento contra insónia e perturbações gerais do sistema nervoso, dores de cabeça cronicas e tosse, para além disso pode ajudar o organismo e combater o câncer.
aipo
Aipo:
Rico em: cálcio, potássio, e vitaminas A e  C , suas propriedades dietéticas e ao mesmo tempo hidratante, ainda auxilia na eliminação dos gases intestinais e na eliminação das toxinas, na eliminar do acido úrico do aparelho digestivo. Útil para quem sofre de gota e infecções urinarias. Pode ajuda a reduzir inflamações e artrite.
mais alho
Alho:
Rico em: potássio, magnésio, cálcio. Tem propriedades: Anti-virais, antibiótico, anti-inflamatória, anti-microbiana, anti-asmática, Anti-oxidante, Anti-cancerígeno, colesterol alto, tensão arterial elevada, asma, bronquite, gripe, e tem uma eficácia nos tratamento de câncer de mama e próstata.
alperce
Alperce: 
Rico em: betacaroteno, fibra, magnésio, fósforo, cálcio, flavonóides, ferro, zinco e ainda vitaminas do complexo B e C. É um excelente antioxidante, e fortalece o sistema imunológico.
alcachofra
Alcachofra:Rica em: fosforo, magnésio,  potássio, sódio, acido folico, as vitaminas B3, C e K. É excelente para purificar o fígado, diurético, auxilia nas dietas de emagrecimento, reduz os níveis de colesterol no sangue.
ameixa
Ameixa:Rica em: potássio, fosforo, sódio, magnésio, cálcio, betacaroteno, fibras e vitaminas C e E. O suco é um poderoso antioxidante, estimula o sistema imunitário e é útil para combater o envelhecimento, rouquidão, gripe, tosse, problemas digestivos, gastrite e cólicas.
cur_aspargo
Aspargo:Contem: vitaminas A, C, cálcio e ferro. É indicado para quem tem eczema, doenças de pele, acne, e afecções de rins. Por ser pobre em calorias e hidrato de carbono, é bom para pessoas que precisam manter e perder peso.
azeitonas
Azeitona:
Rica em: vitaminas A, B1, D e E. Indicado nas doenças de pele, como eczema, acne, psoríases, sardas, envelhecimento da pele, problemas digestivo, e falta de apetite sexual.
banana1
Banana:Rica em: potássio, cálcio, ferro, fosforo, magnésio, betacaroteno, ácido fólico, vitamina C, e do complexo B. Indicado para pessoas que pratica esporte, quem sofre de depressões, anemia, pois estimula a produção de hemoglobinas, pressão arterial, nervos e ulceras.
batatas1
Batatas:
Rica em: cálcio, potássio, fibras, carotenos e vitamina C. Ajuda no tratamento de câncer, dores de estômago e enfermidades do intestino, evita a formação de coágulo sanguíneo e reduzir o risco de doença cardíaca. E a batata doce  ajuda proteger contra o câncer.
beterrabas2
Beterraba:
Rica em: açúcar, proteínas, fibras, vitaminas A, do complexo B, vitamina C, sais minerais como: ferro, zinco, sódio, potássio e magnésio. É muito bom para combater anemia, perda excessiva de líquidos, e problemas de fígado e prisão de ventre.
brocoliss1
Brócolos (brocolis) 
Rico em: vitaminas A, C.Sais minerais: potássio, cálcio, ferro, selênio,  cromo e tambem fibras. Este vegetal tem propriedades antioxidante, e anticancerígenas, age contra o câncer de próstata, pulmão, cólon e mama e ainda ajuda a reduzir o colesterol.
cerejas
Cereja: 
Rica em: vitamina C, acido fólico, betacaroteno, cálcio, potássio, magnésio, fosforo e flavonódes. É um fruto poderoso antioxidante e ajuda fortalecer o sistema imunitário. Muito bom para tratamento de gota, acne, insónia, reumatismo e inflamação da garganta.
caju
Caju:
Rico em: vitaminas do complexo B, vitamina C e ferro. É indicado para caso de febre, impotência sexual, diabetes, bronquite, gripe e tosse e ainda ajuda proteger o sistema imunológico.
cenoura
Cenoura:

Rica em: Vitaminas, A, C, E, fibras, betacoroteno potássio, ferro, cálcio, e zinco.  Tem propriedades dietética, alivia azia, é benéfica para o estômago e o aparelho digestivo. É indispensável para gestante, pois melhora e aumenta a produção do volume sanguíneo  e também a produção do leite. Alguns estudos revela que a cenoura pode proteger contra o câncer da boca.
cebolas
Cebola:
Rica em: vitaminas C e do complexo B, potássio, fosforo, ferro e cálcio. É indicada para enfermidades do estômago, intestino, reumatismo, arteriosclerose , parasitas, resfriados, gripes, tosse, bronquite, asma, ajuda depurar o sangue e o fígado.
couves
Couve:
Rica em: Vitamina C, ferro, cálcio, fosforo, betacaroteno e fibras. Por ser rica em fibras é um otimo laxante, também para dores reumáticas, úlceras gástricas, combate artrite e cálculos renais. Pode ainda ajudar a prevenir e tratar o câncer de mama e doenças cardíacas.
couve-de-bruxelas
Couve-de-bruxelas.
Rica em: vitamina C, folatos, potássio e betacaroteno. Possui grande concentração de folatos, necessário para a produção dos glóbulos brancos.
couve-galega
Couve-galega.
Rica em: vitamina C, ferro, cálcio, caroteno e fibras. Por ser pobre em gordura e baixo teor calórico, é indicado para quem quer emagrecer. Também estimula o sistema imunitário.
couve-florr
Couve-flor:
Rica em: Vitaminas A, C e do complexo B, cálcio, fosforo, e fonte de folato. Suas folhas é muito eficaz no combate as anemias, falta de apetite e também a prisão de ventre.
chicoria
Chicória:
Rica em: vitaminas A, complexo, B, C e D, potássio, betacaroteno e folatos. É indicado na prevenção da osteoporose, anemia. Por ser de baixo valor calórico, é otimo para dietas de emagrecimento.
coentros
Coentros:
Rico em: vitaminas A, B1, B3, B6, vitamina C, cobre, cálcio, ferro, fosforo, magnésio, selénio e flavonódes. É um tónico para o estômago e o coração.
coco
Coco:Rico em: vitaminas A, do complexo B (B1, B2, B5), vitamina C, e sais minerais como, potássio, cálcio, fosforo, magnésio, sódio, e cloro, também é rico em fibras, proteínas, carboidrato e gorduras. São vários benefícios que agua de coco nos proporciona, ajuda a reduzir colesterol, reduz a pressão arterial, desidratação, diarreia, trata ulcera estomacal, depura o sangue, preveni e auxilia no tratamento da artrite, estado febril, hidrata a pele e acima de tudo evita vómitos e náuseas na gravidez.
damasco
Damasco:Rico em: vitaminas A, B1, B2, B3, C, fosforo, ferro e potássio. É indicado nos casos, afecções do fígado, problemas de visão, nicotina e câncer.
dente-de-leaos1
Dente-de-leão:Rico em: ferro e cobre. Usado nos casos de diabetes, hemorróidas, gota, artrite, ajuda aliviar a retenção de líquidos e reduz a hipertensão arterial.
ervilhas
Ervilhas:
Rico em: vitaminas A, C, fosforo, cálcio, ferro, e potássio. São vários benefícios que a ervilhas traz a nossa saúde, combate a dores de estômago, intestino, laxante e coágulo no sangue.
espinafre
Espinafre:
Rico em: vitaminas A do complexo B, possui minerais como, ferro, fosforo, cálcio, folatos e betacoroteno. O espinafre é recomendado para pessoas anémicas, desnutridas, também é um bom para combater a pressão arterial, cálculos renais, artrite, diarreias, acima de tudo ajuda a desintoxicar o organismo.
framboesa1
Framboesa:Rica em: vitaminas A, B1, B5, C, ferro, cálcio, fosforo, magnésio e potássio. A framboesa é utilizada no tratamento de inflamação, na garganta, gengivas, prisão de ventre, hemorróidas, reumatismo, doenças dos rins, fígado.
figo
Figo:Rico em: fosforo, cálcio, potássio e magnésio. É indicado para dores de garganta, gripe, tosse, bronquites, cálculos, ulceras gástricas e duodenal, diarreia, insónia e queimaduras do sol.
kiwi
Kiwi:
Rico em: vitaminas A, C, cálcio, ferro, carboidratos e fibras. É indicado no casos de problemas digestivos, prisão de ventre, arteriosclerose, artrite, reumatismo, resfriado, gripe.
goiaba2
Goiaba:
Rico em: vitaminas A, B1, C, fosforo, ferro, cálcio, zinco e fibras. A goiaba é uma fruta de grande beneficio para o nosso organismo, auxilia no combate as infecções, reduz o nível do colesterol, tosse, diarreia, hemorragias e ajuda no emagrecimento.
groselha
Groselha:
Rica em: vitaminas  B, C, E, cobre, ferro, fosforo, potássio e magnésio. É um poderoso antioxidante, anti-inflamatório, e fortalece o sistema imunológico.
gengibre
Gengibre:Rico em: selenio e zinco. É muito utilizado em caso de resfriados, dores de garganta, gripe, tosse e também auxilia no caso de emagrecimento.
hortela
Hortelã:
Rico em: magnésio, cálcio, ferro e folatos. É muito útil para a digestão, refresca o hálito, tremores nervoso, vómitos, cólicas, catarro brônquios e auxilia a expectoração.
laranja
Laranja:
Rica principalmente em vitamina C, potássio, caroteno. Ajuda a combater resfriados, gripe, diminui o colesterol, ainda tem propriedades anticancerigenas.
limao
Limão:
Rico em: vitamina C, potássio, cálcio. Eficaz nos tratamento resfriados, gripe, infecções por parasitas, melhor a circulação sanguínea, e muito bom para o sistema nervoso.
maca
Maçã:
Rica em: vitaminas do complexo B, vitamina C, E, magnésio, cálcio, fosforo, potássio, cobre e zinco, e ainda peticina. É eficaz nos tratamento da obesidade, problema intestinal, digestivo, fígado, colesterol, cálculos, reumatismo, arteriosclerose, artrite, febre, resfriado, cistite e fortalece o sistema imunitário. Sua casca possui nutrientes, antioxidante e substancia que evitam a proliferação de células cancerígenas, incluindo as células do cólon, da mama e do fígado.
mamao
Mamão:Rico em: vitaminas A, do complexo B, e vitamina C, ferro, cálcio, fosforo e potássio. Este fruto possui uma enzima chamada papaína, que auxilia na digestão, fígado, prisão de ventre, gripe, hérnias, desidratação. Além de proteger o organismo contra o câncer.
manga
Manga:
Rico em: vitaminas C, do complexo B, vitamina C, magnésio, cálcio, ferro, fosforo, potássio, fibras e caroteno. São vários os benefícios que a manga traz para nossa saúde, auxilia no combate acidez, doença do estômago, problemas cardíacos, diurético e ainda ajuda controlar a tensão arterial, a tratar anemia e fortalece o sistema imunitário.
morango
Morango:
Rico em: vitaminas B5, vitamina C, ferro, potássio e fibras. O morango é muito bom para dietas de emagrecimento, ajuda prevenir o câncer, e algumas doenças cardíacas, e a reduzir o nível do colesterol, males dos rins, anemias, fadigas e doenças da pele.
melancia
Melancia:Rica em: vitaminas do complexo B, vitamina C, magnésio, cálcio, potássio, fosforo e betacaroteno. Ajuda amenizar os sinais de envelhecimento, previne contra o câncer, auxilia na eliminação de acido úrico, além de limpar o estômago, intestino e obesidade.
melao
Melão:
Rico em: vitaminas A, do complexo B, vitamina C, cálcio, magnésio, potássio,  fosforo e betacaroteno. Ajuda na desintoxicação alimentar, males dos rins, é um hidratante, também auxilia contra a obesidade, o seu suco é otimo na menopausa.
nabo
Nabo:
Rico em: vitaminas A, do complexo B, e vitamina C, cálcio,  ferro, fibras e betacaroteno. Por ser rico em fibras é eficaz no tratamento intestinal, reduz o colesterol, diabetes, cálculos, obesidade e ajuda preveni contra o câncer .
pepinos
Pepino:
Rico em: ferro, enxofre, potássio, fosforo e betacaroteno. O pepino é diurético, e ajuda a eliminar o excesso acido úrico, é muito bom para a pele e o envelhecimento.
frutas-e-verduras-041
Pêra:
Rica em: vitaminas A, do complexo B, vitamina C. silício, ferro, magnésio, enxofre, cálcio, potássio e fibras. A pêra é indicada para diabéticos, e para quem faz dieta para emagrecer, prisão de ventre, inflamação do intestino, bexiga,aparelho urinário, indigestão, complicações pulmonares, tratamento da próstata, febre, enjoo e má circulação.
pessegos
Pêssego:Rico em: vitaminas A, C, D, iodo, magnésio, ferro, cobre, fosforo, cálcio, fibras, caroteno e flavonóides. Pelo os nutrientes que possui, beneficia o intestino, aparelho digestivo, sistema nervoso, reduz o colesterol, reumatismo, reduz a hipertensão arterial, e ainda pode contribui para proteger contra o câncer e doença cardíaca.
rabanete
Rabanete:Rico em: vitaminas B2, C, cálcio, fosforo, ferro e potássio. o rabanete tem varias vantagens para nossa saúde, estimula a digestão, purifica o sangue, os rins, bexiga, reumatismo, artrite, alivia a congestão nasal, bronquite, resfriado, inflamações interna, erupções da pele, previne a formação de coágulos  e contribui para a diminuir o risco de câncer do pulmão e estômago.
repolho1
Repolho:Rico em: vitaminas A, C, potássio, cálcio, e fosforo. O repolho ajuda a purificar o sangue, estimula a digestão, age contra o envelhecimento precoce, auxilia na queima de gordura, diabetes, colesterol, ulceras e canceres.
roma
Romã:Rico em: vitaminas A, do complexo B, ferro e  cálcio. A romã é otimo para visão, pele, auxilia na má circulação, também ajuda na eliminação de líquidos, e é capaz de afastar doenças cardíacas e tumores.
salsas
Salsa:Rico em: vitaminas A, C. A salsa é anticancerígena, alivia dores de estômago e ajuda na eliminação de gases, é diurético, elimina o excesso de líquidos, da celulite, inflamações da vias urinarias, cálculos renais, melhora os distúrbios menstruais, refresca o hálito e fortalece estrutura do colagénio da pele.
toranja
Toranja:Rica em: vitamina C, potássio, cálcio folatos e caroteno. A toranja é muito bom para a visão, evitando a formação de cataratas, facilita a digestão, ainda é recomendado para a proteção contra o câncer do cólon e do estômago.
frutas-e-verduras-0331
Tomate:Rico em: vitaminas A, B, C, fosforo, ferro, magnésio, potássio, fibras, licopeno, betacaroteno. São varias vantagens do tomate que nos traz para nossa saúde. Podemos citar algumas como: previne contra o câncer, artrites, gota, reumatismos, próstata, cistite, furúnculos, prisão de ventre, problemas estomacal e garganta.
uva
Uva:Rico em: vitaminas do complexo B, C, potássio e carotenos. A uva é uma fruta saborosa e de grande vantagens para saúde. É indicado nos casos de ácido úrico, colesterol, obesidade, prisão de ventre, bronquite, previne contra o câncer, reduz a hipertensão arterial e alivia as perturbações urinarias.

Fonte: Rita Sousa Blog